“Totonha” Tem o Direito de Ler e Escrever

Autores

  • Guilherme Ramos de Oliveira Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Mato Grosso, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino. MT, Brasil.
  • Epaminondas de Matos Magalhães Instituto Federal de Mato Grosso, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ensino. MT, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/2447-8733.2021v22n5p639-642

Resumo

Resumo
A literatura em seu papel transgressor busca provocar o leitor a ter reflexões acerca de paradigmas sociais por meio da ficção. Então, este texto tem por escopo elucidar a importância da leitura literária, revisando o conto Totonha, da obra Contos Negreiros, de Marcelino Freire. Assim, compreendendo a função que a literatura desempenha na sociedade, espera-se que as pessoas modifiquem suas realidades através do acesso à leitura. Além disto, ao apreciar a história da personagem, é possível visualizar o contexto histórico e social em que está inserida, entregando pistas ao leitor, para que faça a comparação entre ficção e realidade. Sendo assim, além de convidar o indivíduo a refletir sobre a história da personagem, aguça o sujeito a examinar o modo que a leitura e a escrita estão dispostas aos cidadãos. Para tanto, legalmente é assegurado o direito à educação, à cultura e à literatura a todos, mas na prática não funciona exatamente assim. Será apenas a ficção de Totonha ou a realidade de inúmeros brasileiros. Com isto, passa-se a questionar os aspectos e os paradigmas sociais que a literatura busca revelar.

Palavras-chave: Ensino. Leitura. Literatura.

Abstract
The literature in its transgressive role seeks to cause the reader to reflect on social paradigms through fiction. Thus, this text aims to elucidate the importance of literary reading, reviewing the story Totonha, from the work Contos Negreiros, by Marcelino Freire. Thus, the understanding of a role that literature plays in society, it is expected that the subjects modify their realities through reading access. Furthermore, when appreciating the character's history, it is possible to visualize the historical and social context that is inserted, providing clues to the reader, so that he or she can make a comparison between fiction and reality. Thus, in addition to inviting the individual to reflect on the character's history, it sharpens the subject to examine the way that reading and writing are available to citizens. To this end, the right to education, culture and literature is legally guaranteed to all, but in practice it does not work exactly that way. It will only be the fiction of Totonha or the reality of countless Brazilians. With this, it is questioned the social aspects and paradigms that the literature aims to eveal.

Keywords: Teaching. Reading. Literature.

Downloads

Publicado

2021-12-16

Edição

Seção

Artigos