Ações Educativas e Formação Cidadã: Iniciativas e Resultados de um Programa de Educação Ambiental com Comunidades de Pescadores Artesanais Marítimos do Litoral Centro-Norte do Estado do Espírito Santo, Brasil

Autores

  • George Bassul Areias Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação em Ciências e Matemática
  • Vinicius Francisco Marchese Universidade Federal do Espírito Santo. ES, Brasil.
  • Suelem Simão Alves Celante Universidade Vila Velha. ES, Brasil.
  • Augusto Cesar Salomão Mozine Universidade Vila Velha. ES, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.17921/2447-8733.2021v22n2p282-288

Resumo

Resumo
Este artigo visa analisar os resultados da integração do modo de vida de Comunidades de Pescadores Artesanais Marítimos a novos ambientes e conhecimentos firmados em ações educativas com enfoque na formação cidadã. Tal integração se deu ao longo do segundo semestre de 2019 via Cursos de Letramento Digital ofertados para 18 comunidades situadas no Litoral Centro-Norte do Espírito Santo e vinculadas ao Programa de Educação Ambiental Redes de Cidadania. Este objetiva a mobilização e organização dos pescadores, incentivando o desenvolvimento de maior autonomia e proporcionando um modo de pensar crítico e reflexivo, fortalecendo-os na defesa de seus territórios, na consolidação de seus modos de vida e no seu reconhecimento frente à sociedade. Sob a perspectiva da Educação Ambiental Crítica desenvolveram-se metodologias quantitativas e qualitativas, utilizando-se de variadas técnicas tanto para a coleta de dados quanto para sua consequente análise. Os resultados alcançados confirmam a construção da aprendizagem e do conhecimento por meio de cursos de capacitação que favoreceram a interação e o diálogo. Estes ainda indicam que o protagonismo dos sujeitos da ação foi atingido, o que se vê pela compreensão adquirida de que, dominando novas ferramentas, como as digitais, podem interferir positivamente em suas vidas particulares e em comunidade.

Palavras-chave: Educação Ambiental. Formação Cidadã. Processos Educativos.

Abstract
This paper aims to analyze how citizenship education environments and knowledge affect integration and the way of life of artisanal marine fishery communities. The educational process involved 18 communities located in the Centre-North Coast of Espírito Santo State, members of Environmental Education Program Redes de Cidadania throughout the second half of 2019 at Digital Literacy Class. The Program aims to provide means for mobilization and organization of fishery communities in collective action, encouraging the development of autonomy and providing a critical and reflective thinking. Besides, it aims alto do help strengthening them to defend their territories, sustain their ways of life in a social recognition process. From the perspective of Critical Environmental Education, quantitative and qualitative methodologies were developed, using mixed methods for data collection and analysis. The results achieved confirm the construction of learning and knowledge through training classes that favored interaction and dialogue. These results still indicate that subjects of the action protagonism was achieved, which is seen in their understanding that mastering new tools such as digital ones can positively interfere in their private and communal lives.

Keywords: Environmental Education. Citizenship Education. Educational Processes.

Downloads

Publicado

2021-06-23

Edição

Seção

Artigos