O Laboratório de Ensino de Matemática na Visão de Professores da Educação Básica

Autores

  • Eliane Maria de Oliveira Araman
  • Karen Hyelmager Gongora Bariccatti
  • Rodolfo Eduardo Vertuan

DOI:

https://doi.org/10.17921/2447-8733.2013v14n1p%25p

Resumo

A presente pesquisa objetivou identificar quais representações os professores em formação apresentam sobre a matemática, de forma mais específica, sobre o Laboratório de Ensino de Matemática - LEM, quais os saberes já apresentavam sobre ele e quais necessitavam de maior aprofundamento. Para isso, foi aplicado um questionário a 35 professores do Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente - CAIC, em Toledo-PR e as respostas foram analisadas por meio da Análise Textual Discursiva. Os resultados evidenciaram que o LEM é concebido como um espaço físico para a manipulação de jogos e materiais didáticos, o qual exige poucas intervenções do professor ou adequações metodológicas. Nesse sentido, a implantação do LEM deve ser acompanhada por formações pedagógicas para que tal ambiente se torne um espaço de investigação efetiva do fazer matemático.

Downloads

Publicado

2015-07-02

Edição

Seção

Artigos